Secretaria de Trânsito e Transporte de Sobral pretende melhorar o atendimento de ônibus

A ideia é ampliar a utilização do MobSol, aplicativo ligado ao transporte coletivo Autor:  Marcelino Junior / Sistema Paraíso A ferramenta p...

A ideia é ampliar a utilização do MobSol, aplicativo ligado ao transporte coletivo

Autor:  Marcelino Junior / Sistema Paraíso

A ferramenta permite aos usuários do Transporte Urbano de Sobral (TranSol) acompanhar a movimentação dos ônibus que circulam na cidade. Para isso, o secretário de Trânsito e Transporte do Município, Kaio Dutral, tem se reunido com representantes de diversas pastas do Poder Público para acrescentar melhorias ao app.

(Foto: Nildo Nascimento)

O MobSol ajuda a verificar a representação gráfica dos ônibus que circulam pela cidade, orientando sobre o ponto de parada mais próximo. Além disso, também é possível acessar outras informações, como pontos de venda de bilhetes. Segundo Kaio Dutra, “a proposta é reformular o aplicativo já existente, para o cidadão ter mais rapidez e precisão da localização dos ônibus em tempo real”, informou.

E é, justamente, esse tipo de problema, que os passageiros que fazem uso do transporte coletivo têm relatado nos últimos meses. O Sistema de Comunicação Paraíso tem recebido reclamações sobre a precariedade do serviço, inclusive, nas rotas que atendem bairros da periferia, como os Terrenos Novos.

Tem sido comum o longo tempo de espera, poucos carros circulando, assim como a não parada de alguns ônibus em pontos de maior movimentação da cidade. Em outro momento, “os carros circulam vazios. Eles deveriam usar esses ônibus que não têm muita gente e colocar mais um ônibus pra cá [Terrenos Novos]”, reclamou o vendedor Francisco de Assis.

VEJA MAIS


Apesar da exigência da máscara e da utilização do álcool em gel, durante o trajeto, a equipe de reportagem do Sistema Paraíso constatou, durante reportagem, por volta de 9h30, a superlotação de um dos carros, nas proximidades do mercado municipal, no Centro da Cidade. O clima é de insegurança e medo de contrair o vírus da Covid-19, ou alguma síndrome gripal; o que tem sido comum nessa época do ano, por conta da chegada do inverno, como foi mostrado nessa reportagem

Segundo a doméstica Carla Andrade, “fica gente com máscara, mas também fica gente sem máscara. Eles não dizem nada. A gente se sente desrespeitado com o tanto de gente dentro desses ônibus.”, reclamou sobre a situação, ressaltando que, um dos horário de maior concentração de passageiros é por volta das 11h.

Siga o Diário Sobralense no Google Notícias e acompanhe as notícias do dia em primeira mão.

Related

Sobral 2130915680852248940

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook



Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item