Vídeo: Policial mata esposa e comete sulcídio durante negociação para se entregar

Ela tinha 28 anos e dois filhos de outro relacionamento. Franciele era enfermeira Créditos: Da Band News FM Curitiba Reprodução: Facebook Um...

Ela tinha 28 anos e dois filhos de outro relacionamento. Franciele era enfermeira

Créditos: Da Band News FM Curitiba

Reprodução: Facebook

Um policial militar matou a tiros a ex-mulher na tarde desta terça-feira no bairro Rebouças, em Curitiba. A vítima foi morta dentro do carro, na frente da filha, de apenas 11 anos.

Dyegho Henrique Almeida da Silva teria perseguido a ex-mulher Franciele Cordeiro em uma moto e disparou pelo menos oito tiros contra a vítima na rua Francisco Nunes.

A adolescente conseguiu fugir e não se feriu.

Várias ruas da região foram bloqueadas para impedir a fuga do policial. Armado, por alguns momentos ele se trancou no veículo ao lado do corpo da mulher para impedir a ação da polícia. Depois de quatro horas de negociação com a Polícia Militar, ele se matou por volta das nove e meia da noite.

Ela tinha 28 anos e dois filhos de outro relacionamento. Franciele era enfermeira.

Uma amiga de Dyegho, que prefere não ter o nome divulgado, disse para a BandNews que eles se relacionaram por poucos meses e estavam separados. “Nesses dias ele pediu pra conversar comigo. Senti que ele não andava legal”, afirma a amiga.


Em nota, a Polícia Militar disse que “se solidariza com os familiares das vítimas e lamenta o acontecido”. Durante a ocorrência, o acesso à região foi isolado e houve uma tentativa de abordagem ao soldado. Equipes do Batalhão de Operações Especiais foram até o local. A PM reforça que “todos os procedimentos de segurança foram adotados pelas equipes policiais desde a primeira intervenção e as tratativas foram feitas de forma incessante”. Não possível evitar que o soldado se matasse.

Veja também:


A nota também cita que “neste momento é fundamental mover todos os esforços para amparo das famílias e as motivações serão devidamente apuradas posteriormente”. A PM ainda informou que o Siate foi acionado para atendimento de um motociclista que teria ficado ferido quando o soldado efetuou os disparos.

A ocorrência foi registrada na Rua Francisco Nunes, entre a Rua Guabirotuba e a Rua Chile.

Receba notícias do Diário Sobralense pelo Google Notícias | Facebook | Twitter | Telegram 

Related

Brasil 3447154197081398642

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook



Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item