Após falas sobre nazismo, Flow Podcast demite Monark

Após o apresentador Monark defender que nazistas tenham o direito de formalizar a criação de um partido nazista junto à Justiça Eleitoral br...

Após o apresentador Monark defender que nazistas tenham o direito de formalizar a criação de um partido nazista junto à Justiça Eleitoral brasileira, os estúdios Flow, responsáveis pelo Flow Podcast, divulgaram o desligamento do cofundador do programa.


De acordo com a nota publicada na tarde desta terça-feira (8) no twitter oficial do podcast, o episódio em que Monark faz as declarações polêmicas sobre o nazismo foi retirado do ar devido ao comprometimento do estúdio com a democracia e os direitos humanos.

Após as declarações de Monark, diversos internautas começaram a cobrar um posicionamento das marcas que patrocinam o Flow, alegando que manter o patrocínio seria equivalente a compactuar com o nazismo.

VEJA MAISO apresentador divulgou um vídeo se desculpando pelas falas e alegando que estava bêbado, mas reiterou que considera o debate importante para a sociedade.

VEJA O COMUNICADO NA ÍNTEGRA:

COMUNICADO OFICIAL DOS ESTÚDIOS FLOW
8 de fevereiro de 2020

Ao longo da nossa história, tratamos de temas sensíveis e polêmicos, buscando promover conversas abertas sobre assuntos relevantes para a nossa sociedade, sem preconceitos ou ideias pré-concebidas. É isso o que sempre acreditamos e defendemos.

O Flow Podcast surgiu de um sentimento de liberdade, pluralidade e transparência.

Com isso, carregamos a responsabilidade de nos conectar com milhões de pessoas e é inevitável que grandes decisões exijam grandes responsabilidades.

Reforçamos o nosso comprometimento com a democracia e os direitos humanos. Assim, o episódio 545 do Flow Podcast foi tirado do ar em todas as plataformas. Comunicamos também a decisão de que, a partir deste momento, o youtuber Bruno Aiub (@Monark), está desligado dos Estúdios Flow.

Esta decisão foi tomada em conformidade com o que determinam todos os preceitos de boa prática, visão e missão dos Estúdios Flow. Lamentamos profundamente o episódio ocorrido.

Pedimos desculpas a todas as pessoas, em especial à comunidade judaica. Repudiamos todo e qualquer tipo de posicionamento que possa ferir, ignorar ou questionar a existência de alguém ou de um grupo social.

Por fim, aos nossos fás, convidados, ouvintes, equipe e apoiadores, fica a mensagem de que iremos superar essa situação, contribuindo para uma sociedade mais justa e transparente, o que sempre foi nosso objetivo, exprimindo opiniões francas e livres, com a liberdade de expressão amparada por preceitos legais.

(Pleno News)

Related

Brasil 4139274828650834180

Veja também

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook

Acompanhe-nos!



Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item