Rússia: filha de amigo de Putin, empresária é encontrada morta em casa | Diário Sobralense News

Rússia: filha de amigo de Putin, empresária é encontrada morta em casa

Natalia Bochkareva tinha 44 anos e era filha do ex-governador Vasily Bochkaryov, aliado do presidente russo Vladimir Putin Créditos: Metrópo...

Natalia Bochkareva tinha 44 anos e era filha do ex-governador Vasily Bochkaryov, aliado do presidente russo Vladimir Putin

Créditos: Metrópoles

Redes sociais/Reprodução

A empresária russa Natalia Bochkareva, de 44 anos, foi encontrada morta em seu apartamento no distrito de Presnensky, em Moscou. Ela é filha de Vasily Bochkaryov, ex-governador que morreu em 2016 e era aliado do presidente Vladimir Putin.

O porteiro do prédio em que Natalia vivia acionou a polícia na última terça-feira (11/7), pois a mulher não atendia ligações ou chamadas à porta. As informações foram divulgadas pelo Daily Mail.

A empresária havia se queixado ao porteiro, no dia anterior, que não se sentia bem. Ao entrarem no apartamento, os agentes policiais encontraram Natalia sem vida.

O pai de Natalia, Vasily Bochkaryov, governou o oblast de Penza entre 1998 e 2015. Até 2016, quando morreu aos 67 anos por decorrência de um câncer, ele representou a região no Conselho da Federação da Rússia.

Morte de magnatas russos

A morte de Natalia se soma a uma onda de óbitos de pessoas ricas na Rússia. Os acidentes tornaram-se mais frequentes depois do início da Guerra da Ucrânia.

No fim de junho, a vice-presidente do Loko-Bank, Kristina Baikova, de 28 anos, morreu após cair do 11º andar de um prédio na capital Moscou.

Em dezembro de 2022, o magnata russo Pavel Antov, dono de uma empresa milionária de salsichas, morreu ao cair da janela de um hotel. Antov criticou a invasão russa à Ucrânia em uma mensagem no WhatsApp, mas logo depois a apagou e disse que era patriota, apoiador de Vladimir Putin e da guerra.


Já o presidente da companhia petrolífera russa, Lukoil Ravil Maganov, morreu em setembro de 2022 após cair da janela de um hospital em Moscou.

Os oligarcas russos, multibilionários poderosos, entraram na mira das sanções econômicas contra a Rússia desde o início da invasão da Ucrânia. Fortunas bloqueadas, proibição de viajar e confisco de bens têm sido “restrições” impostas pela comunidade internacional a esses magnatas.

Related

Mundo 7886111133246226777

Destaques da semana

Rádio Ao Vivo!

SIGA-NOS

item