Resgatados da Ucrânia aplaudem e comemoram volta ao Brasil; vídeo

Grupo pousou nesta quinta-feira (10/3) na Base Aérea de Recife e segue para Brasília, onde será recepcionado por Bolsonaro e ministros Siga-...

Grupo pousou nesta quinta-feira (10/3) na Base Aérea de Recife e segue para Brasília, onde será recepcionado por Bolsonaro e ministros

Siga-nos no Google Notícias e acompanhe as notícias do dia em primeira mão.

A aeronave KC-390 Millennium da Força Aérea Brasileira (FAB) pousou nesta quinta-feira (10/3) na Base Aérea de Recife às 6h44. A FAB postou imagens dos brasileiros muito emocionados e aplaudindo a chegada ao país depois de dias de apreensão por causa da invasão da Ucrânia pela Rússia.

Foto: Reprodução

Outras imagens mostraram o pouso da aeronave e os repatriados desembarcando. Antes de chegar ao Brasil, o KC-390 havia passou por Varsóvia, na Polônia, e, antes do resgate de brasileiros, realizou o descarregamento de donativos para a ajuda humanitária à Ucrânia.

Além de 42 brasileiros repatriados, a FAB resgatou:

20 ucranianos
5 argentinos
1 colombiano
A FAB informou ainda que embarcaram 14 crianças, mas não especificou se elas fazem parte do total de pessoas mencionado nas nacionalidades
Oito cães e dois gatos.

Depois da escala de três horas na capital pernambucana, o grupo segue para a capital federal. Na Base Aérea de Brasília, os repatriados serão recebidos pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), pelos ministros Walter Braga Netto (Defesa), Anderson Torres (Justiça e Segurança Pública) e Marcelo Queiroga (Saúde), além do comandante da FAB, tenente-brigadeiro do ar Carlos de Almeida Baptista Júnior.

O ministro das Relações Exteriores do Brasil, Carlos França, acompanha o grupo no voo.

Em um post pelas redes sociais, Bolsonaro publicou um vídeo do grupo em Recife:

Após a recepção pela comitiva presidencial, os repatriados passarão por controles migratórios (Polícia Federal) e sanitários (Ministério da Saúde).

O Ministério da Infraestrutura e a Secretaria de Aviação Civil, junto às empresas aéreas e à Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), vão providenciar a ida dos repatriados para suas respectivas cidades. Se alguém desejar, o governo já organizou hospedagem em Brasília.

A ação é fruto de um trabalho de planejamento da Casa Civil e da coordenação dos ministérios das Relações Exteriores e Defesa, com a participação de outros ministérios e órgãos federais.


Brasileiros na Ucrânia

Cerca de 500 brasileiros viviam na Ucrânia, mas desde que tropas russas invadiram o país em 24 de fevereiro muitos estão deixando aquele território e se dirigindo para Varsóvia.

De acordo com a FAB, aviões do mesmo modelo foram empregados para transportar doações a vítimas da explosão em Beirute, no Líbano, em 2020, e para prestar apoio às vítimas do terremoto do ano passado no Haiti.

A bordo da aeronave, o governo brasileiro ainda enviou 11,6 toneladas de doação humanitária para a população ucraniana.

Veja donativos enviados à Ucrânia pelo governo brasileiro:

50 purificadores de água, de tecnologia e fabricação nacionais, com capacidade combinada para purificar cerca de 300 mil litros de água por dia;
cerca de 9 toneladas de alimentos desidratados e nutritivos, que equivalem a aproximadamente 360 mil refeições; e meia tonelada de insumos essenciais e itens médicos.

Fonte: Metrópoles

Related

Brasil 1911844770649842914

Veja também

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook

Acompanhe-nos!



Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item