Comércio de Sobral sofre com bloqueio das ruas do Centro

Com poucas vendas no Natal, comerciantes criticam a Prefeitura de Sobral que mantém o bloqueio das ruas do Centro desde março do ano passad...

Com poucas vendas no Natal, comerciantes criticam a Prefeitura de Sobral que mantém o bloqueio das ruas do Centro desde março do ano passado.

Foto: Reprodução

Ruas do Centro, como a Travessa do Xerez, Luzanir Coelho (conhecida como Becco dos Celulares), Cel. José Saboia, próximo à Caixa Econômica Federal e ao Banco do Brasil, e Floriano Peixoto continuam interditadas ao trânsito, sem previsão de desbloqueio.

Dono de armazém na rua Anahid de Andrade, Walter Ribeiro reclama da situação. “Sem o fluxo da grande massa, não há perspectiva de comércio”. Já o proprietário de uma de uma lanchonete apela às autoridades competentes: “O comércio estar sofrendo, chamem o sindicato, converse com a classe”. Há relatos de empresários entregando os pontos comercias, por falta de recursos para pagar as despesas, impostos e funcionários.

No ano passado, o município interditou todo o Centro, colocando gradeados nas principais ruas, com objetivo de inibir o fluxo de pessoas nas ruas não propagar o avanço do novo coronavirus.

O empresário William Tavares, do ramo de lingerie, se manifestou através das suas redes sociais criticando o bloqueio. Segundo ele , o comércio já conta com seiscentos dias sem movimentação do grande público esperado pelos comerciantes.

Procuramos a secretaria de obras e infraestrutura da prefeitura Municipal de Sobral, mas não houve retorno até o fechamento da matéria.

Fonte: Gabriel Lopes / Sistema Paraíso

Related

Sobral 5909976544056324299

Links indicados

Destaques da semana

Siga-nos no Facebook

Rádios Parceiros


Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links
item