Veja mais:

Pabllo Vittar diz que preconceito não diminuiu com fama: ‘Sofro por ser quem sou'

Cantora acredita que o seu trabalho, e de outras drags, tem sido fundamental para criar uma sociedade mais tolerante Agência O Globo ...

Cantora acredita que o seu trabalho, e de outras drags, tem sido fundamental para criar uma sociedade mais tolerante

Agência O Globo

Cantora de sucessos, como “K.O” e “Sua cara”, e com um novo álbum, produzido nos Estados Unidos, prestes a sair do forno, Pabllo Vittar vê a fama e os números nas redes sociais crescerem diariamente. Nem por isso a cantora e drag queen sentiu o preconceito com ela acabar.
“Eu sofro preconceitos diariamente por ser quem eu sou, cantar o que eu canto, colocar a cara a tapa e levantar as bandeiras que eu acredito serem necessárias. Mas isso me dá mais força ainda de resistir e continuar”, disse Pabllo Vittar ao ser entrevistada pelos membros do “Diva da depressão” nos bastidores do festival Meca.
Mas Pabllo acredita que o seu trabalho, e de outras drags cantoras, tem sido fundamental para criar uma sociedade mais tolerante.
“Eu acho incrível porque fico imaginando as crianças assistindo a gente, acompanhando nosso trabalho. Elas são o futuro. Vão crescer com uma mentalidade mais aberta, respeitando as outras pessoas. Isso que estamos plantando agora, que vire uma árvore enorme e caia vários frutos de amor e respeito”.

Related

Entretenimentos 1385826546436963929

Mais Lidas

Links indicados

CURTA NOSSA PÁGINA

Seguir por Email

Confira

Sobral tec

SOBRAL NET

SOBRAL NET

R DIAS

R DIAS

pizza na pedra o mario

Elite Educação

ótica do trabalhador

Máquina de Cartão de Crédito

item
http://go.oclasrv.com/afu.php?zoneid=2028681 http://go.onclasrv.com/afu.php?zoneid=1786153