Vídeo: casal flagra suposto espírito demoníaco em parque nacional no Reino Unido; veja

Os dois estavam passeando com seus cães quando a mulher pegou o celular e registrou uma figura “assustadora” rastejando logo à frente na tri...

Os dois estavam passeando com seus cães quando a mulher pegou o celular e registrou uma figura “assustadora” rastejando logo à frente na trilha.

Créditos: istoedinheiro.com.br

(Crédito: Reprodução/Rede Social)

O casal britânico Hannah e Dave Rowett, que são proprietários do bar e restaurante The White Lion na rua Park Street, em Worksop, Reino Unido, estão gerando polêmica depois de compartilhar imagens do que afirmam ser um “espírito demoníaco” rastejando por uma trilha do parque nacional Clumber Park, no condado de Nottinghamshire.

Segundo o jornal local Worksop Guardian, os dois estavam passeando com seus cães da raça labrador pela floresta por volta das 6h30 no início de dezembro de 2022, quando a mulher “sentiu que não estavam sozinhos”. Em seguida, Hannah, de 52 anos, pegou o celular e registrou em poucos segundos uma figura “assustadora” rastejando logo à frente na trilha.

A britânica até usou uma lanterna para tentar ver melhor. Quando parou para rever o vídeo, disse ao marido que tinha “acabado de gravar um fantasma”.

O Clumber Park é um parques nacionais mais visitados no interior do Reino Unido e famoso pelas “aparições fantasmagóricas e misteriosas”, revela o jornal. Existe até uma lenda de que o local seria assombrado por um espírito feminino chamado “Grey Lady” (Dama de Cinza em tradução livre), que seria vista usando um longo manto cinza.


Originalmente, Hannah Rowett fez várias fotos em sequência, o que gerou o pequeno clipe, de poucos segundos. Ele foi compartilhado no Facebook e visto mais de 453.000 vezes, além de ter sido compartilhado mais de 2.800 vezes.

Ao Worksop Guardian, a britânica conta que costuma “sentir as coisas” e que não tem “explicação lógica” para essa experiência no parque, já que nem ela nem o marido fumam ou usam vaporizador (cigarro eletrônico).

“Inicialmente pensei que fosse um cachorro, mas depois, quando olhei direito, percebi uma forma mais humana. Parece muito demoníaco na forma como rasteja, com membros longos. Nunca muda de forma e se fosse fumaça, mudaria. Eu o segui com a lanterna, então me virei para Dave e disse: ‘Acabei de ver um fantasma e gravei na câmera’. Eu não senti medo. Quando sinto coisas, sempre pego minha câmera porque nem sempre você as vê a olho nu”, comenta Hannah ao jornal.

Dave, que também tem 52 anos, se descreve como “cético paranormal”, mas ao ver a filmagem feita pela esposa, admite que mudou de ideia, já que teria recebido a evidência que precisava para acreditar em fantasmas. “Sempre fui muito cético, mas todos os meus pelos, dos pés à cabeça, se arrepiaram. Pedi a ela que me mostrasse novamente. Eu amei”.

Receba notícias do Diário Sobralense pelo Google Notícias | Facebook | Twitter | Telegram

Related

Mundo 8375257570498729331

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook



Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item