Ex-morador de rua entra com ação na Justiça contra Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, por calúnia

Advogada acusa Givaldo Alves de estupro de vulnerável pelo caso do sexo com a mulher em Planaltina Créditos: DOL O ex-morador de rua Givaldo...

Advogada acusa Givaldo Alves de estupro de vulnerável pelo caso do sexo com a mulher em Planaltina

Créditos: DOL

O ex-morador de rua Givaldo Alves cansou de bater boca pelas redes sociais e resolveu ir às vias de fato contra a viúva do Mc Kevin, a advogada Deolane Bezerra, e abriu uma ação para que ela explique suas acusações no Tribunal de Justiça de São Paulo por calúnia.

Morador de rua ‘pegador’ rebate críticas de Deolane Reprodução - Instagram

Isso porque em sua última publicação, a advogada fez duras críticas contra o ex-morador de rua, chamando-o de “aproveitador’ e diz o que a cena de sexo vazada em Planaltina foi “estupro de vulnerável”, já que ele teria condição de avaliar que a mulher estava em estado de vulnerabilidade.

“Mendigo por opção, né, querido? Porque Tem CNH, categoria D, daria um ótimo motorista, uma dicção perfeita, fala muito bem, e força nos braços para trabalhar, mas prefere usar para outras coisas”, disse em vídeo gravado em suas redes sociais.
Mas o desentendimento dos dois começou antes, com outro vídeo de Deolane postado no Instagram, onde ela o chama de “mendigo nojento”. “Gente, eu vou falar uma coisa para vocês, eu estou com um ranço de entrar na internet e ver esse ‘mendigo’, que Deus me perdoe, Senhor, e esse monte de mulher dando atenção para esse cara nojento!.”

Em suas redes, Givaldo respondeu dizendo que talvez os dois tivessem mais em comum do que imaginavam. “Talvez você esteja indignada por um mendigo haver ganho fama e notoriedade, ainda que por uma tragédia, mas aí pensei: ‘Talvez tenhamos algo em comum, Florzinha’”, comentou.

Os internautas interpretaram a fala como uma referência ao fato de a advogada ter supostamente conseguido maior visibilidade depois da morte de seu ex-companheiro, MC Kevin, que faleceu em 16 de maio de 2021.


No vídeo, ela ainda diz: Em outro momento, Deolane faz uma reclamação: “E esse monte de mulher dando atenção para esse cara nojento! Olha, pelo amor de Deus, gente, para! Povo tratando o cara como se ele tivesse salvado alguém da morte. [...] O cara ajudou a afundar uma mulher e as outras ainda em cima, dando beijo, abraço, tatuagem. Ajuda, hein? [...] Vamos raciocinar, pensar na vida, a mulher tá até agora transtornada numa clínica psiquiátrica e esse cara dando risada por aí. Um monte de mulherada linda agarrando, beijando… me julguem”, finalizou.

Siga o Diário Sobralense no Google Notícias e acompanhe as notícias do dia em primeira mão.

Related

Brasil 6279938665671461365

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook



Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item