Vídeo: Menina de 13 anos é sugada por ralo de piscina, fica submersa, e registro da cena é assustador; assista

Menina de 13 anos se afoga após ter os cabelos sugados pelo ralo da piscina Por muito pouco, uma menina de 13 anos não perdeu a vida no Piau...

Menina de 13 anos se afoga após ter os cabelos sugados pelo ralo da piscina

Por muito pouco, uma menina de 13 anos não perdeu a vida no Piauí, após ter os cabelos sugados pelo ralo da piscina. Foram 2 minutos embaixo da água até ser salva por pessoas que estavam próximas. O vídeo viralizou nas redes sociais. Veja o que diz especialista sobre como evitar acidentes

Uma menina de 13 anos ficou presa no fundo de uma piscina na tarde do último domingo (5), em Água Branca, Piauí. O acidente aconteceu depois que os cabelos da adolescente foram sugados pelo ralo. Foram longos dois minutos submersa até ser salva por pessoas que presenciaram a cena. Os cabelos da jovem tiveram que ser cortados para que ela fosse libertada.

Mãe, Rozana Pimentel, e Maria Rita (Crédito: Arquivo pessoal/Rozana Pimentel)

Em entrevista ao G1, mãe da menina, a telefonista Rozana Pimentel, contou que o acidente ocorreu quando a filha brincava com algumas amigas. “Ela mergulhou e o cabelo ficou preso. Ela pensou que alguém tivesse pisado no cabelo dela, tentou voltar, mas não conseguiu. Foi quando minha filha percebeu que foi o sugador. Ela manteve todo o controle, prendeu a respiração e começou a bater a perna para que alguém pudesse vê-la. Aí o pessoal foi até a água, tentaram soltar o cabelo dela, não conseguiram, desligaram a energia da casa e não deu certo”, explicou.

Em seguida, uma das mulheres que estava na casa encontrou uma faca em um balcão e a deu para outras pessoas para que elas pudessem cortar o cabelo e salvá-la. A menina saiu da água inconsciente, mas acordou após uma massagem cardíaca. Ela foi levada ao hospital, ficou em observação e foi liberada. “Para mim, como mãe, ver ela saindo desacordada, é como um milagre. É um aparelho que a gente não sabe onde fica, não conhece, não tem noção, pelo menos eu não tinha. Agora que eu comecei a pesquisar. Eu espero que essa informação chegue a mais pessoas, que todos saibam o perigo que é uma piscina. A minha filha poderia ter morrido”, finalizou.

Veja como prevenir

"Infelizmente, quase todos os dias acontecem acidentes em piscinas e muitas vítimas acabam morrendo", disse Marcelo Mesquita, secretário executivo da Associação Nacional das Empresas e Profissionais de Piscinas (ANAPP), em entrevista exclusiva à CRESCER. No entanto, afogamentos pode ser evitados. Joao Marques Junior, coordenador administrativo da ANAPP, explica que a segurança e o bom funcionamento de uma piscina vão muito além do ralo. "Existe uma série de aspectos envolvidos. O primeiro é o projeto da piscina, que deve ser feito de acordo com as normas técnicas atualizadas e desenvolvido por uma empresa especializada", diz.

Mas se você comprar ou alugar uma casa que já possua piscina, a orientação é contratar uma empresa especializada para fazer uma vistoria. "Orientamos todos os empreendimentos como hotéis, clubes e residências que atualizem sempre suas piscinas", disse. Segundo ele, o balanceamento hidráulico ajuda a evitar que a sucção dos ralos não seja superior ao permitido e aconteça acidentes como esse. "Trinta segundos é tempo suficiente para acontecerem acidentes fatais. Nunca deixa uma criança, nem mesmos adultos, sozinhos em uma piscina", finaliza Marcelo.

Confira as recomendações para aumentar a segurança na sua casa:

— Todos os ralos da piscina devem ter tampas antiaprisionamento com microfuros que impeçam a retenção de cabelo ou parte do corpo;
— Os bocais na beira das piscinas também devem ter tampas, evitando qualquer acidente com sucção;
— Ao mergulhar, mantenha distância dos ralos e bocais;
— Quanto maior a quantidade de ralos, mais segura a piscina;
— É fundamental ter, fora da piscina, um botão para desligar o bombeamento;
— Sempre que possível, utilize a piscina com a bomba desligada;
— Instale grades para isolar a área da piscina;
— Quando a piscina não tiver sendo usada, coloque capa de proteção.

Assista, abaixo, ao vídeo do salvamento da menina:


Fonte: Revista Crescer

Related

Brasil 768743498473173850

Veja também

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook

Acompanhe-nos!


Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item