MPF investiga indícios de fraudes em 1,2 mil beneficiários do auxílio emergencial no Ceará

 O Ministério Público Federal (MPF) instaurou, nesta quinta-feira, 8, um procedimento para apurar possíveis fraudes relativas ao auxilio eme...

 O Ministério Público Federal (MPF) instaurou, nesta quinta-feira, 8, um procedimento para apurar possíveis fraudes relativas ao auxilio emergencial, a partir de informações da Controladoria Geral da União (CGU). O órgão analisou dados referentes a milhares de CPFs de cearenses e identificou cerca de 1,2 mil com mais indícios de irregularidades. Além desse procedimento de investigação, há outros 165 procedimentos em andamento que apuram possíveis fraudes.

Na terça-feira, 6, cerca de 45,6 milhões de brasileiros começaram a receber o auxílio emergencial 2021, que tem parcelas de R$ 150 a R$ 375. O valor vai para os mesmos brasileiros que receberam o benefício no ano passado. Também é necessário cumprir outros requisitos para ter direito à nova rodada. No caso de mulheres chefes de família, a cota aumenta para R$ 375 e para os beneficiários que morem sozinhos, o valor pago será de R$ 150.

Fonte: O Povo

Related

Ceará 6400583257611773239

Links indicados

Destaques da semana

Siga-nos no Facebook

Rádios Parceiros


Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links
item