This is default featured slide 1 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 2 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 3 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 4 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 5 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 5 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 5 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Advogado preso com bilhetes para criminosos se envolveu em assassinato e assalto quando menor

O advogado Alaor Patrício Júnior, preso sob a acusação de envolvimento com uma facção criminosa e flagrado no presídio CPPL 4 com bilhetes a serem entregues a vários detentos, já tinha histórico criminal mesmo ainda menor de idade. Em 2011 foi apreendido em flagrante após envolvimento em um assassinato em Fortaleza.

Na época, ele e outro adolescente foram detidos pela Polícia após dispararem vários tiros contra outros dois jovens. O crime ocorreu por volta de 21 horas do dia 19 de fevereiro de 2011 na Rua Monte Cristo, proximidades da Escola ABC, no bairro Aerolândia.

De acordo com o Boletim de Ocorrência registrado pela Polícia Civil, Alaor teria efetuado tiros contra um rapaz identificado por Francisco de Assis, que acabou morrendo dois dias depois (dia 21 de fevereiro, por volta de 20h45) no Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro).

No Boletim de Ocorrência, assinado pelo delegado Francisco Hélio Bezerra, consta que Alaor estava na companhia de um jovem identificado por Alan. Enquanto Alaor atirou em Francisco de Assis, Alan disparou tiros contra um rapaz identificado por Marcos. O laudo cadavérico da morte de Francisco de Assis foi remetido ao 13º DOP (Cidade dos Funcionários).

Também por roubo

Também ainda como adolescente, Alaor foi indiciado em processo na 16ª Vara da Infância e da Juventude de Fortaleza, cujos autos tramitaram em segredo de Justiça e foram arquivados definitivamente pela juíza de Direito, Alda Maria Holanda Leite, de acordo com documentos. No processo, o menor foi acusado de ato infracional por roubo.

Noutro documento da Justiça consta que, por crime de roubo duplamente qualificado (com emprego de arma de fogo e concurso de pessoas), Alaor, ainda menor, foi apreendido em flagrante juntamente com Elves Presley Costa (autuado em flagrante).

“As vítimas reconheceram os menores infratores como autores de ato infracional, Ao praticarem a conduta, os representados praticaram ato infracional equivalente ao delito de roubo duplamente qualificado, de acordo com o artigo 157, parágrafo 2º incisos I e II do Código Penal Brasileiro”.

Mesmo com um histórico criminal, Alaor, que chegou a prestar concurso para o cargo de agente penitenciário, obteve a carteira de advogado junto a OAB.

Nesta quarta-feira (25), ele teve a carteira da OAB suspensa por decisão do presidente do Tribunal de Ética daquela entidade.

Prisão

Na última terça-feira (24), o advogado foi preso em flagrante por agentes penitenciários na Casa de Privação Provisória da Liberdade 4 (CPPL 4), em Itaitinga quando tentava entregar bilhetes a vários presos considerados membros de facção. De acordo com as autoridades, os bilhetes tratavam de delitos. Ele foi autuado em flagrante na Delegacia Metropolitana de Itaitinga e enquadrado na Lei das Organizações Criminosas.

(Blog do Jornalista Fernando Ribeiro)

links indicados

Destaques da semana

Recomendamos