Âncora cultural e social de Sobral, Café Jaibaras será transformado em Museu Orgânico | Diário Sobralense News

Âncora cultural e social de Sobral, Café Jaibaras será transformado em Museu Orgânico

Com mais de 70 anos de história e um rico acervo, o Café Jaibaras, localizado no sobralense Becco do Cotovelo, será o 16º museu orgânico do ...

Com mais de 70 anos de história e um rico acervo, o Café Jaibaras, localizado no sobralense Becco do Cotovelo, será o 16º museu orgânico do Sesc Ceará. A inauguração está marcada para o próximo dia 16 de março, a partir das 9h.
Foto: Reprodução

No coração de Sobral, entre as ruas históricas e os becos que testemunharam a passagem do tempo, encontra-se o emblemático Becco do Cotovelo. Este lugar, com sua curvatura peculiar, não apenas conecta vias importantes, mas também é um ponto de encontro para a comunidade, repleto de memórias e histórias. É nesse cenário que se insere o Café Jaibaras, um estabelecimento com mais de 70 anos de tradição, que se tornou um símbolo de hospitalidade e união para os moradores locais e visitantes, e que será transformado em Museu Orgânico pelo Sesc Ceará. A inauguração do espaço acontece neste sábado (16/03), a partir das 9h, em Sobral (CE).

O momento representa não apenas a preservação da memória do café como alimento agregador social, mas também a valorização do patrimônio cultural e histórico de Sobral. De acordo com o gerente de cultura do Sesc Ceará, Alemberg Quindins, para um local tornar-se relevante e transformar-se em Museu Orgânico, precisa não apenas citar história, mas conversar história. “Será o 16º Museu Orgânico. E nada mais representativo do que o Café Jaibaras. O Becco do Cotovelo é tão conhecido quanto a própria cidade de Sobral, ele é um território de jocosidade, de causos e de toda uma oratória e de uma cultura imaterial que nasce ali no meio daquele casaril, no meio daquele centro histórico de Sobral”, conta.

História do café

Ao longo dos anos, o Café Jaibaras viu a cidade de Sobral se transformar, mas permaneceu como uma âncora cultural e social no Becco do Cotovelo. Fundado em 1978 por Expedito Vasconcelos, o café não apenas serviu como um local para desfrutar de uma boa xícara de café, mas também como um ponto de encontro para conversas animadas, celebrações, amizades, política, música e histórias compartilhadas. Agora, após décadas de serviço à comunidade, o tradicional Jaibaras está prestes a iniciar um novo capítulo em sua história, tornando-se um Museu Orgânico por meio de uma parceria com o Sistema Fecomércio, através do Sesc Ceará, e a Fundação Casa Grande.

Maria de Lourdes Pontes de Vasconcelos, a Lurdinha, conta que a história do café sobralense se mistura com a do Becco do Cotovelo e de sua família. “A história do Café Jaibaras é de amor entre o Expedito, o Becco do Cotovelo, o Café e eu. Não se pode contar a história do Becco sem o Café Jaibaras, não pode contar a história do Café Jaibaras sem minha história e do Expedito juntos e também de nossa família. Elas se misturam com o amor que a gente tem por Sobral”, afirma.

O novo museu será um espaço onde os visitantes poderão explorar a história do café e apreciar a contribuição da família Vasconcelos para essa história, bem como a importância do Becco do Cotovelo na identidade da cidade. Com uma coleção e acervo diversificados de artefatos, fotografias e histórias, o museu promete oferecer uma experiência imersiva na cultura local.

Serviço: Inauguração Museu Orgânico Café Jaibaras
Data: 16 de março (sábado)
Horário: 9h
Local: Becco do Cotovelo (Rua Cel. José Sabóia, 310 – Centro, Sobral)

Fonte: Sobral Online


Receba notícias do Diário Sobralense e fique por dentro de tudo!

Escolha a sua comunidade:
 WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
 Entrar no Grupo
 
TelegramEntre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo

Related

Sobral 7982603337178047611

Destaques da semana

Links indicados

item