Equipamentos públicos de Sobral estão sucateados por falta de manutenção | Diário Sobralense News

Equipamentos públicos de Sobral estão sucateados por falta de manutenção

Os equipamentos mais esquecidos pelo poder executivo sobralense são as praças que além de deterioradas são invadidas pela vegetação e lixo C...

Os equipamentos mais esquecidos pelo poder executivo sobralense são as praças que além de deterioradas são invadidas pela vegetação e lixo

Créditos:  Edwalcyr Santos / Sistema Paraíso

Foto: Reprodução

O sobralense tem se deparado com a falta de manutenção em equipamentos públicos tendo como exemplos maior as praças. Vegetação nativa e lixo colocado pela própria população tem mudado o cenário das praças até mesmo as com pouco tempo de inauguradas. A praça Weslen Batista Monção, localizada na Cohab I, ao lado Centro de Saúde da Família (CSF) do Grande Sinhá Saboia, inaugurada há menos de dois anos é um dos exemplos.

A equipe do Portal Paraíso visitou o equipamento e constatou lixo, brinquedos do parquinho infantil quebrados, parte do piso, próximo à academia ao ar livre, afundando e dois bancos feitos de madeira com ferro já precisando de reparos. As praças mais ignoradas pela gestão são as da periferia, até mesmo as mais movimentadas como a praça do bairro Belchior e Renato Parente.

O Portal Paraíso conversou com o dono de um trailer que pediu para preservar sua identidade que afirmou que parte da limpeza da praça do Belchior é feita pelos donos de trailers antes e ao final do movimento. De acordo com o empresário a praça tem sistema de irrigação que está desativado. “No lugar da grama estamos vendo galhos secos e lixo trazidos pelo vento. Todo dia temos que limpar o espaço ao chegar e ao sair”, disse o comerciante.

Além das praças o Sistema Paraíso tem registrado através de matérias o abandono das Estações de Tratamento de Esgotos (ETE). Este é o mais grave descaso com a saúde pública e o meio ambiente ocasionando o desvio da maioria dos esgotos para os mananciais da região.

Outro equipamento abandonado é o Coworking Municipal de Sobral, Nairo Guimarães Coelho, que de acordo com os moradores, foi abandonado logo após a inauguração.

A falta de manutenção nos equipamentos públicos tem feito o canal Chama Paraíso receber diariamente reclamação de lixo em praças, terrenos baldios, vazamentos de água potável e de esgoto.



Escolha como acompanhar as principais notícias do Diário Sobralensee fique por dentro de tudo!

Related

Sobral 4316587667416920050

Destaques da semana

Rádio Ao Vivo!

SIGA-NOS

item