Comerciantes se dizem perseguidos pela Prefeitura de Sobral; Vídeo | Diário Sobralense News

Comerciantes se dizem perseguidos pela Prefeitura de Sobral; Vídeo

Os comerciantes do local dizem que se sentem perseguidos pela gestão municipal com essas e outras ações da prefeitura de Sobral. Créditos:  ...

Os comerciantes do local dizem que se sentem perseguidos pela gestão municipal com essas e outras ações da prefeitura de Sobral.

Créditos:  Edwalcyr Santos / Sistema Paraíso

Reprodução

Comerciantes que têm empresas na rua das Dores com a rua Randal Pompeu, próximo à Catedral da Sé de Sobral, estão insatisfeitos com a proibição de estacionamento nas imediações de seus negócios. De acordo com comerciantes ouvidos pela reportagem do Portal Paraíso, alguns empresários se sentem perseguidos, mas não se pronunciam por medo de sofrer represálias do gestor municipal.

A prefeitura de Sobral, já vinha sendo questionada por ter, no último dia 7 de março, aprovado na Câmara Municipal de Sobral o Projeto de Lei n° 18/23, que regula o exercício do comércio de alimentos por food trucks.

Apenas uma semana depois, agora os donos de dois grandes restaurantes do centro histórico da cidade reclamam que a prefeitura proibiu o estacionamento em suas proximidades.

Tiago Dias, motorista que faz entrega de produtos alimentícios para um dos restaurantes, disse que agora está difícil descarregar a mercadoria porque tem medo de ser multado, pois tem que estacionar o caminhão que trabalha, bem próximo ao estabelecimento, mas agora é proibido.

                                      Reprodução

“Depois que colocaram estas faixas amarelas, ficou bem mais difícil, porque a gente vem fazer entrega e não sabe o que faça. A gente descarrega e coloca as coisas no chão com medo de pegar multa”, desabafou Tiago Dias.


Receba notícias do Diário Sobralense pelo Google Notícias | Facebook | Twitter | Telegram

Related

Sobral 3400516819763581276

Destaques da semana

Links indicados

Total de visualizações

Rádio Online ao Vivo

Jornal Paraíso

R DIAS CONSTRUÇÕES

Siga-nos nas nossas redes!

item