Bombeiros de Sobral alertam para o risco de incêndio no período de estiagem

De acordo com o comandante da corporação, muitos desses problemas que ocorrem na região são causados por imprudência. Créditos: Edwalcyr San...

De acordo com o comandante da corporação, muitos desses problemas que ocorrem na região são causados por imprudência.

Créditos: Edwalcyr Santos / Sistema Paraíso

Reprodução

Aos poucos, pequenos pontos de fogo têm sido observados em locais de mata, principalmente, no sopé e vários pontos da Serra da Meruoca, nas proximidades de Sobral, Zona Norte do Ceará. Atento às ocorrências, o tenente coronel Moraes, comandante da 1ª Companhia de Bombeiros de Sobral, conversou sobre o assunto, em entrevista ao Sistema Paraíso, no programa Estação 101, desta terça-feira (16).

Moraes alertou para os riscos de incêndio, neste período de estiagem, iniciado, este ano, no final de julho. De acordo com o comandante, a maioria das ocorrências é causada por imprudência, desde a queima proposital do lixo em terrenos baldios à queimadas no preparo da terra para o plantio, logo ao final das chuvas.

O tenente coronel disse, ainda, que os incêndios mais comuns são em vegetação e monturo. “Apesar da nossa vegetação ser de porte pequeno, que é a caatinga, temos muito incêndio desta natureza nesta época do ano. A maioria dos incêndios provocados pela queima do lixo ocorrem na zona urbana”. O Corpo de bombeiros de Sobral já atendeu, em 15 dias, 63 ocorrências; uma média de mais de 4 incêndios em monturo e vegetação, por dia.

Veja também:
Os bairros com maiores incidência desse tipo de ocorrência são Renato Parente, Belchior, Cohab II e Dom Expedito. “Atear fogo em lixo é uma prática considerada crime, porque em decorrência disso, além de ter a degradação do meio ambiente, os vizinhos nos ligam desesperados porque geralmente têm idosos, crianças e pessoas com problemas respiratórios que acabam sofrendo pela imprudência”. Alerta o comandante.

Esta segunda-feira (15), de acordo com os dados passados pela corporação ao Portal Paraíso, foi um dia atípico, tendo 16 ocorrências que vão, desde incêndio em vegetação, monturo e em veículo, a tentativa de suicídio e resgate de animais silvestre. “Grande parte das chamadas foi para incêndio”, de acordo com o entrevistado.

Na lista dos atendimento, ainda de segunda-feira, o Corpo de Bombeiros resgatou quatro animais, sendo duas cobras, no bairro Gerardo Cristino e Centro; uma iguana, no bairro do Junco, e um gambá, no bairro da Expectativa. Houve, ainda, o risco de ataque de abelhas na fábrica Grendene.

Siga o Telegram do Diário Sobralense e fique por dentro das últimas notícias de hoje.

Related

Sobral 2432597706366831118

Destaques da semana

Links indicados

Siga-nos no Telegram

Siga-nos no Facebook



Sites Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Sites parceiros

38ba90fa0ec5e1eb24841c49ef10895998492859
item