This is default featured slide 1 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 2 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 3 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 4 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 5 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 5 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

This is default featured slide 5 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.This theme is Bloggerized by Lasantha Bandara - Premiumbloggertemplates.com.

quinta-feira, 15 de abril de 2021

Vereador questiona prefeito que os acusam de hipócritas por pressionar abertura das Igrejas

 O Vereador Apóstolo Jander (PSB), autor de projeto que reconheceu as Igrejas como atividades essenciais, voltou a Tribuna do Parlamento Municipal, durante sessão extraordinária virtual, na noite de terça-feira (13), para questionar o prefeito Ivo Gomes, que os acusam de hipócritas, por pressionarem pela abertura dos templos religiosos no município. Uma vez que será concedido um benefício de R$600,00 reais em duas parcelas para que os templos continuem de portas fechadas. 

Confira no Vídeo (AQUI)

Segundo o Apóstolo Jander, “fiquei perplexos com os relatos que ouvi ontem à noite na live (fazendo referência o anuncio oficial do prefeito Ivo Gomes). Se forem verdade, digo, não iremos receber esse dinheiro. Falo em nome de mais 37 pastores amigos meus, não negociaremos a nossa chamada e a honra da Igreja. O desejo dos Pastores não é dinheiro, mas transformar e salvar as almas das pessoas. Não quero com isso, me levantar contra o executivo e a nenhuma outra autoridade”. Concluiu o Apóstolo.

Na Sessão Ordinário do dia anterior, o Apóstolo Jander, havia comemorado a aprovação do auxílio financeiro, como isenção das tarifas de água e esgoto. Além de ter solicitado esclarecimento do Presidente da Casa, Vicente Albuquerque, sobre a sanção do projeto que reconheceu as Igrejas como atividades essenciais. Tão logo foi informado que teria sido sancionado e encaminhado para publicação.

O Climão ocorreu, logo após o anuncio oficial do prefeito Ivo Gomes, durante sua live na rede social, na noite da última segunda-feira (12), onde chamou a atenção de muitos líderes religiosos das grandes Igrejas evangélicas que “precisamos ser francos em vez de ficar com hipocrisia, em dizer que as pessoas precisam voltar aos templos porque elas precisam rezar. Essas pessoas mais afoitas, deviam ser francas e sinceras em dizer que precisam de dinheiro. Vamos acabar com essa lorota de que as pessoas precisam de igrejas. Precisam mesmo, mais não neste momento excepcional como estamos vivendo”. Clamou o prefeito.

Logo, seguiu amenizando sua fala ao dizer, “Isso é coisa temporária, todos têm liberdade de culto está garantido na constituição. O estado não se mete em religião, assim como as Igrejas não devem se meter em questões de estado. Questões sanitárias são questões de estado e não são questões religiosas e de Igrejas”. Finalizou Ivo Gomes.

O Apóstolo Jander, concluiu sua tribuna dizendo que se não poder levantar a bandeira e representar na Câmara de Vereadores de Sobral, a sua classe de evangélicos e os 1.439 votos que os elegeram, desistiria de ser vereador.

Fonte: Blog do Célio Brito

Links indicados

Destaques da Semana: