Chuva com rajada intensa de ventos provoca destruição em Santana do Acaraú

Os ventos destelharam centenas de casas, antenas de TV foram arremessadas, postes de iluminação foram arrancados, muros desabaram e uma cas...

Os ventos destelharam centenas de casas, antenas de TV foram arremessadas, postes de iluminação foram arrancados, muros desabaram e uma casa foi parcialmente destruída.

Chuva com rajada intensa de ventos provoca destruição em Santana do Acaraú.

Os ventos destelharam centenas de casas, antenas de TV foram arremessadas, postes de iluminação foram arrancados, muros desabaram e uma casa foi parcialmente destruída
A casa do agricultor José Ataíde foi parcialmente destruida (Foto: Tribuna dos Vales)

Os moradores de Santana do Acaraú, na região noroeste do Ceará, enfrentaram na tarde desta quarta-feira (9), nova chuva com intensas rajadas de ventos. Cenário lembrava sonoplastia de filmes de terror. A chuva teve início por volta das 14h15min e durou pouco mais de 20 minutos com ventos a 80km por hora. Diversos bairros ficaram sem energia elétrica “fomos pegos de surpresa e não deu para evitar nada, foi tudo muito rápido e ninguém conseguia sair de onde estava. Eu minha esposa e minhas duas filhas ficamos trancados dentro de casa e encostados na parede sem saber o que fazer, a não ser rezar”, disse o agricultor José Edmar Oliveira que reside ao lado de uma residência que ficou parcialmente destruída pelo sinistro da natureza.

População assustada - A cidade foi atingida por uma chuva rápida que durou apenas 20min, trazendo muita destruição e medo aso moradores. No Alto da Liberdade, três postes de iluminação pública foram arrancados, mezaninos de estabelecimentos comerciais destruídos, placas de dois postos de combustíveis foram arrancadas, dezenas de antenas parabólicas foram lançadas a distância. Moradores tiveram seus móveis atingidos pela água dentro de casa, “peguei uma tampa de uma caixa d’água e usei como protetor para eu e minha avó, que já tem 96 anos, parecia que as telhas iriam cair em nossas cabeças”, disse o professor Sales Neto.

Postos atingidos - Em um dos postos de combustíveis o vento foi tão intenso que destruiu uma porta de vidro. A placa de preços do estabelecimento, e nem mesmo as placas protetoras das bombas de combustíveis resistiram, foram alçadas fora, placas de um outdoor foram arremessadas pelos ares e destruíram parte de uma árvore. Outro Posto localizado no mesmo bairro também teve sua placa destruída e parte do foro cedeu.

Casa destruída - Placas e toldos de diversos estabelecimentos comerciais, também ficaram destruídas, um muro desabou no bairro Pedregal, e a residência do agricultor Jose Ataíde de Oliveira foi parcialmente destruída, no bairro Gerardo Arcanjo “eu não estava em casa, mas meus amigos me disseram depois da chuva que minha casa tinha caído. Agora eu não sei o que vou fazer para reconstruir minha casa”, disse o agricultor com emoção de ver sua casa no chão.

Defesa Civil - A secretária da Defesa Civil do Município, Ana Maria Batista, declarou que amanhã será feito um levantamento de tudo que foi destruído e apresentará um relatório ao prefeito do Município, Raimundo Marcelo Arcanjo (MDB), segundo a secretária, desde agosto do ano passado a defesa civil de Santana do Acaraú está sem coordenador e só tem ela como única funcionária. “Já alertamos ao prefeito da necessidade de montar uma equipe do órgão no município, mas até agora nenhuma providência foi tomada”, disse Batista.

(Tribuna dos Vales)

Related

Ceará 515731755614762959

Mais lidas

CURTA NOSSA PÁGINA

SIGA-NOS

Seguir por Email

Sobral tec

SOBRAL NET

SOBRAL NET

R DIAS

R DIAS

pizza na pedra o mario

ótica do trabalhador

Elite Educação

item
http://go.oclasrv.com/afu.php?zoneid=2028681