Delegado diz que PRF não sabia de operação da PM em Milagres: "Ação não foi coordenada"

Falta de comunicação deixou equipes surpresas ao saberem do ataque. Após serem chamados para atender um acidente no quilômetro 495 d...

Falta de comunicação deixou equipes surpresas ao saberem do ataque.


Após serem chamados para atender um acidente no quilômetro 495 da BR-116, em Milagres, equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram surpreendidos por policiais militares em diligências para combater grupo que pretendia assaltar bancos na cidade. O confronto resultou na morte de 12 pessoas, entre reféns e suspeitos. Sem ser avisada, a equipe direcionada para o local era de apenas dois policiais. O titular da 5ª Delegacia da PRF, Gledstone Chaves, criticou a falta de informações repassadas para os outros agentes de segurança. 

“Por que não comunicaram a gente? Uma ação como essa envolve todos os policiais. Fomos atender um suposto acidente e poderíamos ter nos deparado com vários bandidos armados”, reclamou o delegado em entrevista à Rádio O POVO/CBN Cariri. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a PM já estava realizando diligências sobre grupos que atuavam nos ataques a instituições financeiras na área. André Costa, chefe da pasta, explicou em coletiva nesta manhã de sexta-feira, 7, que “havia informações sobre assalto a banco no sul do Estado”.

Gledstone questiona se a ação foi mesmo monitorada ou se foi fruto de um flagrante. Ele explica que, normalmente, em operações coordenadas, a Polícia Rodoviária e a Polícia Federal são notificadas e envolvidas. Neste caso, isso não aconteceu. “Se fosse uma coisa coordenada, não teria deixado tantos mortos”, opinou o chefe da delegacia. Parte das vítimas da ação eram da mesma família, pernambucanos que buscavam parentes no aeroporto de Juazeiro do Norte. 

O trecho da BR-116 no quilômetro 495, entre Brejo Santo e Milagres, foi desbloqueado e o caminhão que atrapalhava o tráfego na via foi retirado. A PRF ainda mantém efetivo no local por questões de segurança, já que as buscas pelos suspeitos ainda não foram concluídas. 

Fonte: O POVO
Com informações de Bruna Vieira, da Rádio O POVO CBN Cariri

Related

Ceará 3496800468653875179

Mais lidas

CURTA NOSSA PÁGINA

SIGA-NOS

Seguir por Email

Sobral tec

Instituto formar

SOBRAL NET

SOBRAL NET

R DIAS

R DIAS

pizza na pedra o mario

ótica do trabalhador

Elite Educação

item
http://go.oclasrv.com/afu.php?zoneid=2028681